Windows 11: Não quer atualizar o Windows 10? A Microsoft não vai obrigar os utilizadores

13

Com toda a informação e com o Windows 11 já disponível, a Microsoft vai continuar a desenvolver o seu novo sistema. Em paralelo, e do que já anunciou, vai manter o Windows 10 no mesmo ciclo, para assim o manter atualizado.

Havia ainda a dúvida, por parte de muitos, sobre o processo de atualização e como este iria ser entregue aos utilizadores. Sabe-se que será gratuito, mas agora as novidades surgiram. Aparentemente não será uma atualização obrigatória e imposta.

O interesse que o Windows 11 tem revelado nos utilizadores mostra que este terá tudo para ser um sucesso. A Microsoft preparou algumas mudanças mais radicais para esta sua novidade, que poderiam afugentar muitos utilizadores.

A verdade é que a primeira build está muito estável e sem problemas aparentes, o que revela a sua maturidade e o trabalho que a Microsoft já realizou. Isso promete que esta versão seja mais um caso de sucesso para o Windows 11.

O que aconteceu com o Windows 10, um sistema que foi praticamente imposto aos utilizadores, não foi bem recebido e até criticado. Havia a dúvida se com o Windows 11 esta situação se iria repetir, algo que novamente não era pretendido.

O processo de atualização de recursos do Windows 10 para o Windows 11 será um processo de “procura” iniciado pelo utilizador para escolher a atualização para o Windows 11.

Esta informação revelada pela Microsoft, vem deixar muito mais claro este processo. Fica finalmente conhecido que esta atualização não vai ser imposta aos utilizadores do Windows 10, tendo estes que a procurar de forma ativa.

Depois de todos os problemas que a Microsoft acabou por trazer com a atualização para o Windows 10, estas acabam por ser boas notícias. Apenas se e quando os utilizadores quiserem esta versão será instalada nas máquinas que suportarem esta nova versão da Microsoft.

Depois de todas as confusões com os requisitos mínimos e até da forma como será feita a atualização do Windows 7, estas são novidades que acalmam os utilizadores. Com suporte até 2025, o Windows 10 poderá assim continuar a ser usado sem qualquer limitação da Microsoft.

você pode gostar também