Twitter vai testar recurso para compras em perfis de marcas

18

Com o tempo, as redes sociais evoluem e pretendem tornar-se o mais completas possível, por forma a garantir plataformas que respondam a várias necessidades dos utilizadores. Assim como aconteceu com o Facebook, o Twitter pretende introduzir uma nova funcionalidade voltada para as marcas e para os seus clientes.

A rede social vai começar a testar um novo recurso de compras nas páginas de perfil das marcas.

No ano passado, o Facebook introduziu a funcionalidade “Lojas”, que permite que os utilizadores comprem os produtos adicionados diretamente através do Facebook e do Instagram das próprias lojas. Agora, o Twitter está a seguir as pisadas destas plataformas.

Publicações Relacionadas

A rede social anunciou que vai começar a testar a nova funcionalidade de compras numa panóplia de marcas, nos Estados Unidos da América. Aquela permitirá que as empresas deem destaque aos seus produtos, no topo do seu perfil e permitirá que os utilizadores os comprem.

Ou seja, no topo dos perfis das marcas, os utilizadores poderão percorrer um carrossel de produtos. Uma vez selecionado o artigo, é redirecionado para o website da marca e o pagamento é efetuado aí.

Esta novidade surge na sequência da tentativa do Twitter em procurar formas de rentabilizar a rede social. Anteriormente, já haviam sido mencionadas vertentes exclusivas da rede social – primeiro o Super Follow e, depois, o Twitter Blue – que implicaria uma subscrição paga mensalmente.

Contrariamente ao que acontece no Facebook e no Instagram, não são muitas as formas de estimular a geração de receitas dentro do Twitter. Então, conforme vimos aqui, os investidores têm pressionado o Twitter para agir nesse sentido, lançando funcionalidades pagas, por forma a aumentar o fluxo de receitas. Mais do que isso, o Twitter revelou, na altura em que anunciou o Super Follow, que o seu objetivo financeiro estava acima dos 7 mil milhões de dólares, para 2023.

você pode gostar também