TikTok: Vídeo mostra mulher colada ao seu assento depois de tentar fugir no meio do voo

9

Atualmente, as redes sociais e o fácil acesso ao vídeo podem fazer de algo estranho uma notícia polémica, como acontece muitas vezes com o conteúdo que circula pelo TikTok. Um caso que tira todo o partido destas premissas, aconteceu.

Um vídeo do TikTok mostra uma mulher num avião da American Airlines colada ao seu assento com fita-cola após tentar abrir a porta a meio do voo.

Um vídeo da enorme rede social TikTok mostra uma mulher presa com fita-cola no seu lugar, num voo da American Airlines, depois de, alegadamente, ter atacado as hospedeiras e tentado abrir a porta da frente do avião.

O incidente aconteceu no voo 1774 da American Airlines que viajava de Dallas-Fort Worth, Texas, para Charlotte, Carolina do Norte, na terça-feira.

O TikTok viraliza coisas inimagináveis

No vídeo, filmado por @lol.ariee no TikTok, uma mulher não identificada, na primeira classe, pode ser vista com fita-cola à volta do peito e da boca enquanto tenta gritar com os passageiros que estão a sair do avião depois de este aterrar.

A comoção começou uma hora depois do voo de duas horas, quando todas as hospedeiras estavam a subir e a descer os corredores, freneticamente como que a sussurrar umas com as outras

Explicou @lol.ariee, num vídeo lançado mais tarde.

A tripulação começou a trancar as casas de banho e começou a agarrar sacos dos contentores suspensos, mas não quis dizer o que estava exatamente a acontecer.

Publicações Relacionadas

Era como o caos e ninguém sabia o que se estava a passar.

Referiu ela.

O piloto finalmente falou pelo intercomunicador e pediu às pessoas para ficarem nos seus lugares por causa de “uma má situação no avião”, embora não tenha elaborado mais, de acordo com @lol.ariee.

Melhor forma de controlar a situação?

Quando o avião estava a aterrar, uma hospedeira de bordo que se sentou perto dos passageiros explicou que uma mulher que estava a passar por um aparente colapso mental “teve um ataque” e tentou sair do avião.

A mulher começou a morder, cuspir, e a atacar as hospedeiras, disse @lol.ariee, que foi o que acabou por levar a tripulação a “controlá-la”, prendê-la ao assento e a pôr-lhe fita-cola na boca.

O vídeo, que já foi visto mais de 4,3 milhões de vezes (que entretanto desapareceu), mostra um agente da polícia e pessoal médico à espera junto à entrada do avião, à medida que outros passageiros saem da cabine, ao aterrar.

Um porta-voz da American Airlines referiu:

Aplaudimos a nossa tripulação pelo seu profissionalismo e esforço rápido para proteger as pessoas a bordo.

@lol.ariee disse no vídeo seguinte que acreditava que “o que estava a acontecer parecia estar fora do controlo da mulher. Ela estava assustada”. “Deviam ter uma maneira melhor de lidar com isto… sinto que foi mal tratada”, acrescentou ela.

Desde janeiro de 2021, a Administração Federal da Aviação recebeu 2.500 relatos de comportamento indisciplinado por parte dos passageiros, a maioria dos quais envolvem viajantes que se recusam a cumprir o mandato federal de uso de máscara.

você pode gostar também