Receita Federal dos EUA diz que holders não precisam declarar criptomoedas no imposto de renda

41

A Receita Federal dos Estados Unidos (IRS, na sigla em inglês) esclareceu, através do seu site, o funcionamento da declaração de criptomoedas para o Imposto de Renda de 2021. A autoridade determinou que “quem comprou criptomoedas em 2020 com dinheiro fiduciário não é obrigado a declarar as transações no formulário do fisco”.

Por meio do esclarecimento, a instituição deu a entender que está atrás apenas dos traders de criptomoedas, por enquanto. Logo, as pessoas que estão comprando Bitcoin (BTC) e outras criptomoedas sem realizar transações cripto-cripto estão livre de declarar os seus rendimentos. Isso significa que os acumuladores e investidores de longo prazo estão a salvo da tributação, em 2021.

IRS corre atrás dos investidores de criptomoedas

As dúvidas surgiram quando a IRS lançou um “rascunho” do formulário de declaração para 2021. Nele, há um destaque claro para as criptomoedas. A primeiras pergunta realizada no documento, logo após o preenchimento das informações pessoais, se destina aos investidores dos criptoativos.

“Em algum momento de 2020, você comprou, vendeu, enviou, fez trade ou adquiriu alguma quantia em qualquer moeda virtual?”, questiona o documento. O destaque para a pergunta mostra que a receita americana está cada vez mais interessada em tributar os investidores dessa classe de ativos.

“Rascunho” do formulário com o questionamento sobre as criptomoedas (Forbes)
Publicações Relacionadas

Nos anos anteriores, a IRS já questionava sobre o investimento em criptomoedas. No entanto, a pergunta estava localizada mais abaixo, no formulário.

Para Joey Ryan, CFO da Guilded, que é uma empresa de contabilidade, esse foi um movimento calculado. “Se algumas pessoas não estivessem prestando atenção, talvez elas não soubessem como declarar as criptomoedas. Contudo, a pergunta está no topo do formulário 1040, então ninguém pode alegar que não a viu ou que não está entendendo a situação”, explicou ao The Block ainda em dezembro de 2020.

E no Brasil?

Enquanto isso, no Brasil, a Receita Federal (RFB) também está de olho nas criptomoedas. A partir deste ano, a instituição criou códigos exclusivos para a declaração dessa classe de ativos no IR 2021:

  • 81 – Bitcoin
  • 82 – Altcoins, como Ethereum, Bitcoin Cash, XRP, ChainLInk e Litecoin
  • 89 – Demais criptoativos, como tokens
Códigos para declarar criptoativos (Receita Federal)

Fonte: Portal do Bitcoin

você pode gostar também