O que faz um profissional de Análise e Desenvolvimento de Sistemas?

43

Um analista de sistemas atua na área de tecnologia da informação e é especializado em desenvolver sistemas informatizados para atender as necessidades e os objetivos da organização em que trabalha. Há muitas oportunidades para esse profissional, pois empresas de diferentes tamanhos e ramos precisam de programas que controlem as suas atividades. Quer saber mais sobre o que faz um analista de sistemas? Então, fique ligado neste texto! 

O que um analista de sistemas faz?

Esse profissional oferece a solução para um problema usando sistemas de informação. É importante que o analista de sistemas entenda as necessidades do cliente, conheça o tipo de negócio e planeje e desenvolva sistemas computacionais que executem as tarefas pedidas de forma adequada. O analista de sistemas pode trabalhar nas áreas de:

Desenvolvimento de softwares: softwares são programas computacionais, como editores de texto, programas para enviar mensagens, apps para celular e planilhas eletrônicas. Um software tem uma sequência lógica de instruções que realizam tarefas específicas de acordo com as informações inseridas. Assim, o papel do analista de sistemas é criar e desenvolver programas personalizados para uma empresa.

Publicações Relacionadas

O profissional trabalhará com o cliente e identificará as necessidades das pessoas que usarão o sistema, por isso é importante definir os requisitos para orientar o projeto e saber qual resultado se deseja alcançar. Em seguida, essas premissas são analisadas, é criada uma estratégia de ação e são definidas as atividades que o programa cumprirá. Nesse ponto, o analista descreve a interface do software para o usuário, a linguagem de programação usada, o sistema de banco de dados etc. 

Com o projeto elaborado, a implementação do sistema começa a partir da codificação, e o analista faz testes para avaliar o funcionamento dos módulos do sistema. O software estará pronto para ser implantado nos computadores após os testes, seguidos pela migração de dados e pelo treinamento dos usuários para a adaptação ao uso do sistema.

Administração de banco de dados: um analista de sistemas deve saber os tipos de dados com os quais está trabalhando e qual o objetivo que o cliente quer atingir. Dessa forma, ele poderá desenvolver o banco de dados, e após isso, ele o instala e configura para funcionar com o software da empresa. No tempo de uso do programa, é necessário fazer o gerenciamento das informações, monitorar o uso e atualizar o banco de dados sempre que for necessário. 

O analista de sistemas deve se preocupar com a segurança das informações que estão no software, e caso o programa não tenha uma ação própria para isso, o profissional terá que desenvolver um sistema exclusivo.

Administração de redes: em administração, o analista de sistemas pode gerenciar a rede de computadores de uma empresa. Ele será responsável pela infraestrutura de TI, instalando, configurando e fazendo a manutenção dos sistemas operacionais e dos softwares, além de cuidar da segurança da rede. Nessa função, o profissional deve instalar e parametrizar programas de proteção de dados e configurar a maneira e a frequência de backup dos dados existentes. 

Suporte: os analistas de sistemas podem trabalhar dando suporte aos usuários, além de fazer as atualizações dos softwares para ajustá-los às necessidades que aparecem na empresa. Também podem escrever manuais técnicos sobre como os sistemas desenvolvidos funcionam, além de oferecer orientações aos usuários.

você pode gostar também