Mercedes-Benz EQS: “Melhor carro elétrico do mundo”

16

A Alemanha alberga grandes nomes da indústria automóvel, como a Audi, Mercedes-Benz, Porsche, Volkswagen, entre várias outras. Se o são com os carros a combustão, pretende sê-lo, futuramente, com os carros elétricos que, conforme temos assistido, estão numa inevitável ascensão.

Tendo em conta esse esforço, a imprensa alemã destacou o novo Mercedes-Benz EQS, referindo que se tornou o “melhor carro elétrico do mundo”.

A Tesla é, sem dúvida, uma referência no setor dos carros elétricos. A ambição depositada na fabricante tornou-a inovadora e ousada. Com o passar do tempo e paralelamente às exigências cada vez mais estreitas relativamente às emissões de dióxido de carbono, é crescente o número de fabricantes que está a traçar um caminho na direção da eletrificação.

No caso das alemãs, se são já grandes nomes no setor dos carros a combustão, sê-lo-ão também no dos carros elétricos. Ou então, tentarão sê-lo, acompanhando e contribuindo para a eletrificação. A Mercedes-Benz, por exemplo, lançou um carro elétrico – o EQS -, que foi apelidado, pela imprensa alemã, como “o melhor carro elétrico do mundo”. Afinal, o automóvel tornou-se num dos modelos com maior alcance, internacionalmente, ultrapassando modelos como o Tesla Model S.

Os engenheiros deram tudo para que fosse o mais confortável, eficiente e contemporâneo possível.

Será que isso significa que o pioneiro elétrico Tesla foi derrotado? Resposta simples: sim.

Publicações Relacionadas

Escreveu a Auto Motor und Sport.

Após circular um total de 638 km, a uma velocidade média de 104 km/h, o carro elétrico terminou a viagem de Munique a Berlim com uma autonomia de 48 km. Por sua vez, o carregamento foi feito numa estação IONITY e o automóvel recuperou 300 km, em cerca de 15 minutos, sendo a potência média de 163 kW.

Mercedes-Benz EQS no pódio dos carros elétricos

Não foi apenas a imprensa alemã que destacou o novo Mercedes-Benz EQS. Afinal, analistas do banco suíço UBS publicaram o seu próprio teste, afirmando que o EQS supera, por larga margem, o Tesla Model S. Isto, em aspetos como o alcance e eficiência.

Segundo os analistas, embora o EQS não atinja a velocidade do modelo da Tesla, toda a experiência de luxo associada à Mercedes-Benz compensam e tornam-no num modelo concorrente bastante forte.

você pode gostar também