Controle parental: Não deixe os seus filhos sozinhos na Internet

33

A realidade está à frente dos nossos olhos e a pandemia veio agravar ainda mais a situação. As crianças estão demasiado tempo agarradas à tecnologia e isso está a prejudicá-las em vários aspetos. O desenvolvimento de competências sociais, a atividade física o desenvolvimento da própria auto-estima são alguns deles. Já para não falar nos perigos a que podem estar expostos. Uma das soluções pode passar pelos serviços de controle parental.

Hoje vamos falar da opção completa que a Norton tem disponível nos seus softwares de proteção.

A proteção dos nossos dispositivos e dados nunca foi tão importante como agora, principalmente, porque é a partir da nossa casa que chegamos ao trabalho, à escola, à família e aos amigos. Tudo à distância de uma ligação à Internet.

As ameaças e desafios de quem navega na Internet atualmente necessitam de algo mais além que um simples “antivírus”. É por isso que o Norton 360, além dessa camada de proteção, ainda oferece mais aos seus utilizadores, garantindo, portanto, maior segurança.

Quando falamos em proteção estamos a falar nas ameaças “em tempo real”. Ou seja, o Norton 360 oferece aos dispositivos proteção contra ameaças online existentes e emergentes. Além disso, ajuda a proteger as suas informações privadas e financeiras quando navega online.

E como podemos proteger as crianças com o Norton 360?

Num mundo ideal, as crianças passariam mais tempo a brincar na rua e longe dos ecrãs. Mas além de estarmos no meio de uma pandemia, estamos no meio de vidas fechadas em casa, onde domina o teletrabalho, as lides domésticas, as aulas online (que apesar das escolas já terem retomado as atividades presenciais, ainda existem aulas que são dadas à distância) e o pouco tempo para dar a atenção devida às crianças.

É por isso essencial acompanhar e controlar aquilo que fazem online e definir mesmo o tempo que podem passar agarrados ao smartphone ou ao tablet, além das horas das aulas e do tempo que precisam para estudar.

As soluções Norton 360, além da proteção referida, ainda permitem, então, fazer um acompanhamento parental completo.

No dispositivo (ou dispositivos) que se pretende controlar é apenas necessário instalar o respetivo software Norton Family, disponível para Android, iOS e Windows.

Publicações Relacionadas

Os passos para adicionar um dispositivo são muito simples. Primeiro é preciso definir um nome e escolher os níveis de restrições, ajustados por idades. Depois escolhe-se o dispositivo e, caso ainda não tenha sido feita a instalação da app, surge um código QR para tal e as instruções.

Configurações ao pormenor

Ao escolher o nível de restrições, existem vários parâmetros que são desde logo ativados, no entanto, no perfil da criança é possível ajustar cada um deles, nomeadamente o PIN para desbloqueio do smartphone, o tipo de conteúdos que podem ser pesquisados, as apps a que pode ou não aceder, o tempo de utilização diário entre muitos outros parâmetros.

Por exemplo, as pesquisas feitas por temas de categorias bloqueadas irão desencadear uma notificação e ficarão visíveis na plataforma de monitorização.

Com esta ferramenta de controle parental, poderá ainda ver quais apps foram instaladas, a que sites acedeu, e quanto tempo a criança passou em cada app.

Bloqueio instantâneo

Caso considere que a criança já passou demasiado tempo agarrado à tecnologia ou é necessário que se concentre nalguma tarefa, então pode ativar também a opção de bloqueio instantâneo. Neste caso é importante que tenha um contacto de emergência definido, para que, caso seja necessário, a criança possa utiliza o smartphone para ligar a essa pessoa, mesmo com o smartphone bloqueado.

Há ainda a opção School Time, ou seja, tempo de escola. Aqui a criança pode aceder a alguns sites relacionados com temas de ensino, ou outros, definidos previamente.

Sem invadir a privacidade das crianças, é importante perceber onde passam o dia (online) e os seus interesses, além de ser também importante limitar o tempo que passam em frente aos ecrãs e serem estimulados para outras atividades.

Neste caso, a possibilidade de controle parental ainda está associada a uma forte componente de segurança fornecida pelo software Norton 360.