Aceleradora lança primeira criptomoeda do Brasil com valor agregado à reputação das marcas

24

Com o objetivo de mensurar o valor das marcas por meio da reputação, a Motim – primeira aceleradora e gestora de posicionamento do mundo – acaba de lançar a RepCoin (RPTC), uma criptomoeda que tem seu valor agregado ao do prestígio das empresas no mercado brasileiro.

Gabriel Oliveira (CEO da MOTIM), Marina dos Anjos (Brand Manager da MOTIM) e Silas Colombo (cofundador e CCO da MOTIM)

Segundo estudo da consultoria Maitland/AMO, a reputação atualmente é responsável por 35% do valor de mercado das empresas, em média. Dentro do mercado de inovação e tecnologia, o número chega a 43%. De acordo com Silas Colombo, fundador e CCO da Motim, é inquestionável o valor da imagem delas nos dias de hoje. “A reputação é a nova moeda e as companhias estão cada vez mais entendendo isso. O lançamento da RPTC serve para ilustrar que o posicionamento e prestígio das empresas continua sendo os principais ativos na transação de confiança entre marcas e seus consumidores”, afirma.

Criada no ambiente ethereum, a RPTC foi a forma concebida para simbolizar a importância da gestão de posicionamento assertiva dentro do mercado de inovação.

De acordo com o estudo internacional Meaningful Brands, da Havas, 77% das marcas poderiam sumir do mundo sem que os consumidores sentissem sua falta. “Essa é uma informação bastante preocupante. A necessidade de criar uma imagem autêntica e próxima aos seus clientes é vital para a sobrevivência das marcas e esperamos que esse movimento se transforme em um grande objetivo dentro do mercado de comunicação”, avalia a Brand Manager da Motim, Marina dos Anjos.

Publicações Relacionadas

Clientes poderão reverter suas RPTC para projetos sociais

As RPTCs serão enviadas pela Motim aos seus clientes e poderão ser revertidas ao final de 12 meses em serviços de assessoria de imprensa ou conteúdo de alta performance a entidades não-governamentais e projetos sociais. Os clientes da aceleradora poderão doar suas moedas à instituição que mais lhes agradar e a Motim prestará os serviços para a entidade.

“Todos os nossos clientes receberão a cada 3 meses de projeto, o valor mínimo de 250 RPTC. O fee mensal do projeto irá impactar no valor adicional pago em RPTC. Acreditamos que é uma forma de impactar positivamente a sociedade com o que fazemos de melhor, que é comunicação”, afirma Colombo.

Como base, um projeto de assessoria de imprensa, para quem busca iniciar sua presença na imprensa, custaria 1000 RPTC e é válido por 3 meses. A ação foi pensada em conjunto pela equipe multidisciplinar da Motim.

Marcas investem pesado

Por cada vez mais entender a importância da reputação, as marcas estão cada vez mais investindo em estratégias e soluções. O estudo Edelman Trust Barometer de 2021 aponta que 89% dos trabalhadores empregados no Brasil esperam que suas empresas resolvam problemas da sociedade em geral, o que aumenta ainda mais a gestão de imagem institucional.

“As novas gerações estão começando a cobrar cada vez mais responsabilidade e posicionamentos das empresas. Essa tendência impacta diretamente na geração de novos negócios. Uma reputação sólida não só ajuda no crescimento sustentável de uma marca, como prepara o caminho para que ela resista às mudanças do mercado”, aponta Colombo.

você pode gostar também